terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Dicas de arquitetura: modelos de coifa para decorações de cozinhas

Uma bela coifa pode fazer toda diferença em sua cozinha ou área gourmet

Casas contemporâneas costumam contar com inúmeros eletrodomésticos. A ideia de instalar coifa em cozinha está cada vez mais popular em propostas de residências.

saiba-tudo-sobre-coifas
Leonardo Muller

Este tipo de aparelho, além de muito funcional, é capaz de tornar o visual deste tipo de ambiente mais moderno e sofisticado. E saber adequar o aparelho à decoração pode ser determinante para um maior conforto e conveniência dos usuários. Saiba mais.

Quais as maiores vantagens das coifas?

blog-decoracao
Marel - Grupo Factory

Coifas são excelentes aliadas das donas e donos de casa. Elas ajudam a manter as cozinhas mais limpas, absorvendo ou removendo a gordura e a fumaça espalhada no ar do ambiente no momento do preparo dos alimentos.
Além do mais, são aparelhos bem práticos e que podem ser o toque de design perfeito para deixar os ambientes gourmet de casa ainda mais bonitos.

blog-arquitetura
Clarice Semerene

Como realmente funcionam as coifas?

As coifas podem trabalhar de formas diferentes. Falando resumidamente, elas podem limpar e renovar o ar das cozinhas. Muito disso vai depender do modelo e seu sistema de instalação – que deve ser previsto ainda na concepção do projeto de arquitetura e design da residência.
Por isso, é importante compreender estas diferenças de detalhes ao máximo; do contrário, pode-se ter vários imprevistos no futuro.
Coifas podem ser exaustores, depuradores ou os dois. No modo exaustor elas fariam a sucção da fumaça e dos resíduos, guiando-os por um duto metálico escondido sob um forro, parede ou shaft, até uma saída externa.
Já no modo depurador não há necessidade desta saída externa; a coifa suga o ar, este passa por um filtro de carvão e, então, volta limpo para o ambiente – assim o ar da cozinha estaria, enfim, renovado.

“Esses equipamentos (os depuradores de ar) só devem ser usados em último caso, quando não é mesmo possível a instalação de uma coifa com duto.” – arquiteto José Claudio Falchi, em reportagem de UOL.

coifas-como-funcionam
saiba-sobre-coifas
Espaço do Traço Arquitetura


saiba-mais-sobre-coifas
blogs-decor
Aquiles Nicolas Kílares


blog-decor
Iná Arquitetura


Quais os tipos mais vendidos de coifas nas lojas?

Os modelos de coifas mais requeridos pelos consumidores atualmente são os em alumínio, na cor inox, combinando com outros eletrodomésticos.
Também há a combinação vidro e inox, igualmente estilosa. Ambos os modelos apresentam uma estética minimalista linda, perfeita para cozinhas contemporâneas. Além disso, eles são fáceis de limpar – uma condição perfeita para este tipo de ambiente.
Coifas de parede – incluindo às inclinadas - é o tipo clássico, próprio para ser usado quando o fogão, logo abaixo, fica rente a uma parede. Contudo, em certas situações – como é o caso das cozinhas integradas – o melhor é usar as “coifas de ilha”.
Para isto, pode-se contar com modelos de coifas em vários formatos - das retangulares às tubulares - e acabamentos – brilhosas, coloridas, e até mesmo imitando lustres de cristal.


entenda-como-funciona-coifa
Bernal Projetos


modelos-de-coifas
Roberta Trida


coifas-para-ilhas
Moussi Arquitetura

De fato, existem muitos modelos diferentes de coifas à venda nas lojas. Sempre é possível encontrar pelo menos uma peça ultra moderna que possa combinar com a decoração da cozinha de casa – e seu modelo de layout, claro. Enfim, não se pode ter medo de ousar.


coifas-para-ilha-cozinha
blog-arquitetura
Fernanda Marques


blog-decor
blogs-decor
Diego Revollo


coifa-cozinha-contemporanea
Cosentino

Como escolher um modelo de coifa com relação à decoração da cozinha?


O tamanho, ou seja, a largura e a profundidade da coifa, precisa estar de acordo com as medidas do fogão.
Assim, para o caso de um fogão de quatro bocas, indica-se uma coifa de 60 cm; já para um fogão de cinco ou seis bocas, uma coifa de 90 cm. Isto deve garantir que o aparelho funcione realmente como o esperado, sugando bem a fumaça e fazendo o ar da cozinha ficar mais limpo.
Outro detalhe que precisa ser observado é quanto à altura da instalação da coifa. Ela deve ficar a mais ou menos entre 65 a 75 cm com relação ao tampo do fogão. E, se for requerido um equipamento que funcione no sistema modo exaustor, será preciso acrescentar dutos extras que façam esta saída de ar chegar até o teto, seguindo depois para o meio externo. E isto pode requerer obras, o que nem sempre é algo possível de ser feito.


modelos-de-coifas-cozinha
Cosentino


blogs-decor
Cosentino

E, por fim, tem a questão estética. Para cozinhas modernas, as coifas de linhas retas combinam mais.
Para ambientes integrados ou em outro layout mais ousado, as coifas em design mais criativo – talvez em estilo retrô, por exemplo.
E mesmo os cômodos pequenos podem ganhar uma coifa de modelo menor – talvez com luzes focais, iluminando o fogão e destacando esta área do ambiente.

blog-decor
Revista Viva Decora


blog-decor
Cosentino


blog-decor
Daniel Carvalho

Inspire-se nessas propostas de decoração e instale o quanto antes a coifa ideal para sua cozinha ou área gourmet.

Essas dicas dicas de como decorar a área gourmet utilizando uma coifa foram criadas pela equipe Viva Decora.

Jeito de Casa Blog - Decoração - Arquitetura

ana maria

sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

Encontro de blogueiras na Grand-Place de Bruxelas

Finalizando o último post de 2019 quero falar de um momento bem especial que tive esse ano como blogueira...
Em agosto viajei com minha família a Europa  e tive a oportunidade de conhecer finalmente e agora pessoalmente, a amiga Patrícia Merella, do blog Maison du Chocolat


Foi um momento muito emocionante!!
Eu estava numa super expectativa para conhecer a queridíssima Patricia. Desde que ela soube que eu estaria na Bélgica, em Bruxelas, já manifestou a vontade de me encontrar e foi passando super dicas da cidade. Ela mora numa cidade próxima e veio de trem ao centro me encontrar! Marcamos o encontro na maravilhosa Grand-Place.

Foi um encontro relativamente rápido, mas conversamos tanto!! São 10 anos de amizade virtual agora desvirtualizada!
Fui acompanhada da minha filha e a namorada do meu filho e a Patrícia acompanhada do seu filho, agora mocinho, que eu conheço desde criança (dos aniversários dele que ela mostrava no blog), que é um filho de ouro!!
Me senti tão a vontade com ela!!!  Falante, cheia de alegria e uma energia que transborda, essa amiga Baiana, meio Portuguesa e meio Belga, é mesmo um pessoa muito linda!

Depois de 10 anos e muitas redes sociais, nada se compara aos blogs de 10 anos atrás... Saudosista eu? SIM... com certeza!

O tempo em que eu, dona de casa,  me abri para o mundo quando criei o Jeito de Casa não tem preço. Conheci e atraí tanta gente boa ao meu redor!!
Amigas que perdi sem conhecer...
Amigas que ainda irei conhecer...
Obrigada pelo encontro querida Patricia, não poderia escolher melhor momento  para esta postagem que ao final desde ano de 2019 que foi muito bom em todos os sentidos na minha vida...

#gratidão

Que 2020 venha na mesma energia!!
Um Feliz Ano para todos que me acompanham, para todas as amigas, para todas as seguidoras do blog Jeito de Casa!!

Bju grande
ana

sexta-feira, 20 de dezembro de 2019

Poucos detalhes, muito estilo. Por dentro da decoração rústica

Estilo bastante procurado para casas de campo começa a marcar presença em ambientes urbanos.




Muito do que pensamos para nosso espaço tem a ver com o momento de vida que atravessamos ou até mesmo o que buscamos viver. Optar por um estilo simples para compor os cômodos é abrir as portas de casa para a tranquilidade, o conforto e a paz de espírito em cada metro quadrado. Entre os estilos que vão por essa filosofia, o rústico talvez seja o mais conhecido no mundo ocidental.


Associada à vida simples do campo, trata-se de uma decoração que se inspira na falta de detalhes, em formas orgânicas e materiais mais brutos. Mesmo contando com elementos que evidenciam a idade e a simplicidade de móveis e de acabamentos, o estilo rústico deixa qualquer imóvel imponente e ao mesmo tempo acolhedor. Atualmente, na decoração de apartamentos de luxo em São Paulo, o estilo natureza está em alta pelo fato principal de trazer calmaria e serenidade em meio ao caos paulistano


A escolha por móveis cheios de personalidade


Um dos pontos que tornam o estilo tão distinto é a característica das peças que compõem cada ambiente. A escolha pela madeira maciça como o pinho ou a peroba rosa são a matéria-prima de enormes guarda-roupas, armários de cozinha e racks com o acabamento aparente. O sofá e as poltronas, também com poucos detalhes e acabamento bruto, procuram contraste em estofados com tecido em padrões como listras, florais ou xadrez. Há alguns anos era preciso investir muito tempo e dinheiro para encontrar móveis antigos que correspondessem a essas características. Hoje, de olho na tendência, algumas lojas de móveis já oferecem opções mais acessíveis de peças inspiradas no estilo. 


Paredes que contam uma história


Os acabamentos escolhidos visam sempre mostrar a força do tempo. O resultado pode ser obra do desgaste ao longo dos anos, como acontece em casas de campo que atravessam gerações, ou utilizando técnicas e materiais que imitam o efeito. Independente de como a característica é alcançada, o objetivo é um só – dar aos acabamentos uma atmosfera mais descontraída e distante de estilos mais modernos e urbanos. Nesse caso, aposte em paredes de pedra, tijolo, cimento queimado (como as encontradas no estilo industrial), revestidas em madeira ou pintadas em tons pastel, mais claros, e tons de terra. Para o chão, além do clássico piso de madeira, comum ao estilo, abuse dos tapetes em fibra de coco ou até mesmo de esteiras de junco ou palha.


Objetos de decoração com espírito simples 


Para deixar mais aconchegante ainda, traga as cores de plantas e flores para o seu ambiente. E, para acompanhar o sossego do rústico em sua sala e seus quartos, invista em cortinas de tecidos mais leves e esvoaçantes em tons mais claros. Na parte da iluminação esqueça os trilhos e spots para dar lugar a candelabros, lustres mais clássicos e abajures. Para completar, espalhe quadros e painéis envelhecidos pela casa. Tudo sem exagero, sempre com bastante parcimônia. O foco é preencher espaços vazios, mas sem abrir mão da simplicidade que construímos até agora.
Ainda pouco presente nos melhores bairros de São Paulo, onde a predominância é por um estilo mais moderno como o industrial ou o contemporâneo, o rústico está começando a entrar no radar de pessoas que buscam trazer elementos de paz e tranquilidade da vida simples no campo para dentro de seus lares.


Obrigada por sua companhia!
ana maria

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019

Decoração: papel de parede para personalizar ambientes da casa

Há formas simples, rápidas e fáceis  de personalizar interiores. Uma ideia é usar papel de parede para cobrir todos os ambientes da casa.



decoracao-quartos-casal
Projeto: Patrícia Kolonian Pasquini

Papel de parede: confira as novidades!

Toda casa merece receber um toque de decoração. E nada melhor do que poder ver o nosso lar com a nossa cara. Para personalizar os ambientes uma ideia é trabalhar o visual das paredes. Como?

Por exemplo, pintando, aplicando adesivo ou revestindo com papel de parede. Se você deseja mudar completamente os interiores da sua residência, de forma simples, rápida e fácil, pode investir em soluções como estas.

papel-de-parede-tijolinho-branco

Papel de parede: personalize sua casa com ele

Muitas tecnologias evoluíram com o passar dos anos; com o papel de parede não foi diferente. Hoje em dia, há diversas variações deste material.
Sendo assim, agora é possível usar papel de parede não só para personalizar superfícies de salas e quartos, mas de lavabos e cozinhas também. E nos catálogos dos fabricantes é possível conferir muitas estampas bem diferentes, uma mais surpreendente do que a outra.

blog-quartos-decoracao
Tetriz Arquitetura

blogs-decoracao
Helen Granzote

decoracao-quarto-casal
Patrícia Kolonian Pasquini

A decoração com papel de parede é, portanto, bem versátil.. É uma alternativa incrível de tratamento de muitos cômodos residenciais, não importando o estilo – do clássico ao moderno.
Se você quer inovar a o visual do seu imóvel neste instante, considere esta ideia. Verá que isto não lhe custará muito – talvez nem haja a necessidade da contratação de mão-de-obra especializada.
Vá às lojas e confira todas as possibilidades de texturas e estampas de papel de parede que existem disponíveis à venda.

Então, escolha um modelo de melhor qualidade puder, durável, e seja capaz de imprimir melhor a sua personalidade e de toda a sua família. Com sua casa mais colorida, alegre e estilosa – além de mais isolada acústica e termicamente -, será impossível não se sentir aconchegado dentro dos ambientes.

blogs-decoracao
Renata Basques

Qual a melhor forma de usar papel de parede dentro de casa

Como dito antes, hoje em dia é possível encontrar papel de parede em diversas cores, padrões e até texturas também. Assim, é pode-se explorar o material para criar efeitos visuais incríveis e até ressaltar o estilo decorativo dos ambientes.
Por isso, considera-se que saber escolher o modelo ideal – ou modelos ideias - para cobrir as superfícies das paredes de casa seja algo importante.

blogs-decoracao
Renata Basques

blogs-decoracao
Helen Granzote

Comece analisando a decoração da sua casa como um todo, assim você conseguirá estabelecer um padrão do que comprar, evitando que seu lar vire um “carnaval”.
Uma boa ideia, por exemplo, é seguir uma mesma paleta de cor para todos os papéis de parede, variando apenas no desenho de cada um. Então, basta só “vestir seu imóvel”, imprimindo mais personalidade em cada canto que puder.

Para salas, pode-se usar um papel mais chamativo – talvez só atrás do painel para TV ou do sofá. Já nos quartos um mais discreto – apenas nas zonas das cabeceira das camas. 

Na cozinha um temático - lembrando formatos de alimentos e enfatizando a boa saúde. E no lavabo um que suporte mais a umidade - quem sabe até bem forte e brilhante. Em caso de dúvidas, consulte um especialista na área, como um designer de interiores.

blogs-decor
Idealizzare Arquitetos

Papel de parede liso e neutro

Se a sua casa possui dimensões reduzidas é preferível optar por modelos de papéis de parede mais neutros. É uma questão de bom senso. De modo algum isto deve prejudicar a personalização da decoração dos ambientes.
Pelo contrário, isto poderá valorizar os cenários, sem que eles fiquem sobrecarregados demais. Em último caso, pode-se ainda reduzir a área de aplicação do material, à meia parede ou faixa.


Papel de parede estampado e colorido

Agora, o mais legal dos papéis de parede é a possibilidade de trabalhar as superfícies com imagens - criando novas sensações, gerando muitas ilusões.
Por isto é que os modelos estampados e coloridos são tão mais queridos pelos designers e seus clientes. Mas deve-se ter cuidado na escolha do modelo – ou modelos – a ser usado na casa. Estampas com gramaturas maiores são só recomendadas para ambientes amplos.


mesa-com-bancos-e-cadeiras
Andrea Fonseca

Veja o que diz uma especialista:

“Por exemplo, se o ambiente é colorido, você deve ter objetos em cores neutras, mais calmas, porém em um dos objetos deve ter uma das cores que estão inseridas no papel de parede, para que haja sincronia em relação às tonalidades do ambiente.” - designer de interiores Adriana Fontana, Revista Casa Linda, da UOL.

Percorrendo as lojas, você provavelmente se encantará com as variações de papel de parede à venda. Recentemente foram lançados no mercado papéis em degradê, metalizados, com formas geométricas, 3D, que imitam outros materiais – como madeira e tijolo -, e outros mais.

blogs-decoracao
Tatiana Baroni

blogs-arquitetura
Ricardo Freire

blogs-decor
Revista Viva Decora

blogs-decoracao
Cristina Lembi

Opções é o que não faltam. Só invista em modelos que possam enriquecer a decoração da sua casa, sem comprometer o equilíbrio dos cenários, e abuse de sua criatividade.

Essas dicas de como personalizar interiores com papel de parede foram criadas pela equipe Viva Decora.

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Bjus
ana

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Decoração: linda mesa de jantar de natal

Festa de Natal: ideias de decoração para a mesa de jantar!!

blog-decoracao
   Meyer Cortez Arquitetura & Design

mesa-decorada-natal


Mesa de jantar: 3 passos para você arrasar com a decoração da sua festa de Natal

O Natal é a ocasião perfeita para as pessoas ficarem com as suas famílias e amigos, lembrando as boas histórias do ano que viveram.
É o começo de uma renovação de ciclo. Uma festa que merece ser comemorada. E nada melhor do que todos poderem se encontrar em volta de uma linda mesa de jantar e compartilhar uma bela refeição feita com muito carinho. A união pelo amor é o símbolo máximo desta data.
Portanto, a decoração da mesa da ceia é um detalhe que não pode ser esquecido quando a casa está sendo preparada para as festas de fim de ano. É uma oportunidade incrível de soltar a imaginação e criar algo único que faça este jantar ser ainda mais especial.
Confira, a seguir, algumas dicas e exemplos inspiradores de mesas de jantar decoradas de forma muito criativa e charmosa para o Natal.


blogs-decoracao


#1 Escolhendo o tema da festa

Não se pode começar a decorar a mesa de jantar da ceia de Natal sem, antes, estabelecer a temática desta arrumação. Sim, pois esta festa, mesmo que feita em casa, pode assumir um formato mais formal e clássico ou informal e descontraído.
Obviamente a segunda opção é mais coerente com a data e oferece mais alternativas para de reaproveitamento dos enfeites de comemorações passadas.
A combinação de cores ‘branco e dourado’ é uma alternativa válida – super elegante. Mas ‘vermelho e verde’ é a clássica, e tem muita força visual. É fácil encontrar acessórios nesses tons – de toalhas a guirlandas.
De fato, é bem mais fácil captar a “magia do Natal” seguindo esta linha de decoração. E pra quem não gosta do “vermelho intenso”, o vinho é uma variação muito bonita e que funciona neste caso.


blog-decor


#2 Escolhendo a toalha de mesa e os aparelhos de jantar

O primeiro item que deve ser pensado para a decoração da mesa de jantar da ceia de Natal é a cobertura de mesa. Esta pode ser uma toalha simples, em branco e com bordas lisas.
A peça também pode apresentar algum barrado com motivos natalinos. Ou pode ser inteiramente estampada, talvez em xadrez – que é uma alternativa aceitável pela moda atual.



blog-decor

blog-decoraco

Ao invés de uma toalha cara, pode-se optar por um jogo de sousplat. Existem alguns modelos deste produto bem coloridos e com ilustrações bem divertidas que encantam as crianças.
Os em crochê são também uma forte tendência na decoração. E outros mais podem até combinar com conjuntos de guardanapos de pano, fazendo o cenário parecer mais sofisticado do que nunca.

blog-decoracao

blog-decor


Além dos sousplat, podem-se adotar louças criativas para a mesa de jantar de Natal. Saber escolher esses itens é importante para a decoração desta festa - eles reforçam a atmosfera da celebração.
Se houver já muita ornamentação no local, é melhor optar por um aparelho de jantar em cores neutras e sóbrias, garantindo a harmonia visual do conjunto. Caso oposto, é possível considerar peças diferenciadas.

decor-natal-mesa


decoracao-natal


blogs-decor


#3 Montando um lindo centro de mesa para a mesa de jantar

A decoração da mesa de jantar da ceia de Natal pode ficar completa com um lindo centro de mesa – um detalhe que realça esta composição.
Este pode ser feito a partir de adaptações de itens de decoração do Natal passado – como festões e bolinhas do pinheirinho. É uma aposta simples, barata e muito eficaz. Mesmo assim sempre é possível inovar mais.

decoracao-de-natal

Outra ideia para centro de mesa é improvisar castiçais de velas com taças viradas. Encher vasos de vidros de modelos diferentes com pinhas e cordões de luzes. Usar uma saladeira para acomodar várias bolachinhas em formato de símbolos do Natal. Panetones decorados com fitas de cetim. Pequenas caixinhas de lembrancinhas.  Mini árvores feitas de EVA. E arranjos de poinsétias – conhecida como “a flor do Natal”.

blogs-decoraco


blogs-decor

De fato, decorar a mesa de jantar da ceia de Natal é algo muito empolgante e que não deve ser esquecido pelo anfitrião da festa. Lembre-se: a única ordem nesta arrumação é a criatividade. De resto, aproveite esta data tão especial.

blogs-decoracao

Essas dicas de como decorar a mesa de jantar durante o Natal foram criadas pela equipe Viva Decora.

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Bjus
ana