Mostrando postagens com marcador salas. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador salas. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 14 de junho de 2021

Modelos de sofá para se inpirar

Vamos supor que você está começando a decorar uma sala de estar. Por certo, um móvel que não poderá faltar nesta composição é o sofá. Aliás, por muitos motivos, o sofá é considerado como peça chave de decoração de salas. 

decor-sofa-rosa
Adriano Arruda

É exatamente por isso que existem tantas opções diferentes dele à venda nas lojas. Só que são tantos que podemos ficar confusos sobre qual adquirir para casa. Por fim, podemos ficar com medo de ousar.

Se você sair agora mesmo em busca de um sofá novo para casa, tanto em lojas físicas quanto virtuais, encontrará mais ofertas dos modelos tradicionais. Sofás de dois e três lugares - alguns vendidos em conjunto - com pés baixos, quase ocultos, cores neutras, bordas quadradas e almofadas dividindo o número de assentos. Porém, os projetos apresentados como ilustração deste texto provam que existem mais opções.

Saia do básico. Confira todas as informações e imagens que apresentamos a seguir. Use tudo isso de inspiração para criar uma decoração de sala de estar muito mais bonita, alegre, sofisticada ou descontraída e com mais charme para sua casa.


sofas-neutros
Studio Canto Arquitetura

#1 Sofás em outros materiais e acabamentos

Já pensou sobre quantas possibilidades de tecidos podem ser usadas como cobertura de sofás? Hoje em dia, a maioria das ofertas traz a utilização de tecidos de revestimento como Suede e Jacquard. Na história do design, já presenciamos também a moda dos sofás de chenille, veludo e outros. Mas estas não eram e ainda não são as únicas opções. E, aliás, podemos considerar alternativas com muito mais brilho e mais textura também.

São exemplos de outros revestimentos para sofá:

  • Linho, jeans, couro sintético, sarja, tweed, tafetá e patchwork.

O novo tipo de tecido que está chamando bastante atenção das pessoas é o acquablock. Numa primeira olhada, ele parece igual a qualquer outro tipo de tecido grosso. Porém, trata-se de um tecido impermeável para sofá que permite com que o móvel possa também ser utilizado em áreas externas da casa. Ou seja, a peça pode ficar diretamente exposta ao sol e à chuva sem sofrer qualquer desgaste por isso.

sofa-area-externa-tecido-aquablock
Iara Kilares

area-externa-moderna-sofa
Revista Viva Decora

sofa-area-externa
Revista Viva Decora


decoracao-sofas-neutros
Revista Viva Decora


#2 Sofás com formatos e funções diferentes

O material de acabamento escolhido para o sofá de casa pode impactar o olhar, mas muito mais o toque. O olhar mais especificamente será muito mais impressionado por outra característica de design da peça, o seu formato. Isto inclui as suas linhas de contorno - sobretudo de encosto -; a elevação dos seus pés; e detalhes de costura - como afundamentos de botões.

O desenho do sofá pode ser além do padrão "caixão retangular" que estamos acostumados. Ele pode ter encosto mais baixo; ser dividido em módulos que podem ser rearranjados como desejado; ter partes expansíveis e retráteis; e assento meia lua ou em 'S'. E alguns modelos de sofás ainda podem vir com o acompanhamento de acessórios como puffs, poltronas, recamiers e banquinhos que, juntos, formam um desenho de ambiente único.

Alguns destes modelos de sofás já citados podem oferecer multifunções. Além de ter assentos de descanso, seriam capazes de, por exemplo, virar cama ou divã. E seu formato, combinado ao acabamento certo, pode ser adaptado para atividades e condições ambientais de áreas externas e internas da casa, sendo o destaque principal ou não de cenários, ajudando a enfatizar o estilo da sua decoração - como retrô.


sofa-liso-tendencia
Triplex Arquitetura

decoração-contraste-de-estilos
Mora Estúdio

sofa-curvo
CasaCor Ceará 2017


#3 Sofás com muito mais cor e estampas

Quando a ideia é realmente fazer um móvel sofá ser o maior destaque do cenário de uma sala decorada, pode-se recorrer a várias estratégias de design. Uma delas é colocar mais cor na peça. 

Isto pode acontecer já com o seu material de revestimento ou com o acompanhamento de almofadas e mantas com tonalidades contrastantes e em muitas estampas. 

Algumas cores de sofás têm virado tendência nos últimos anos. Entre 2015 e 2020, presenciamos propostas de decorações com estofados em roxo, rosa, laranja, verde, azul e mais. 

Neste ano de 2021, voltam algumas destas tonalidades, fora o creme, o vermelho, tons terrosos e neon. Mas não esqueça que marrom, branco e preto nunca saem de moda e sempre serão fáceis de combinar com vários tipos de decorações.


sofas-coloridos
Revista Viva Decora

sofa-reto-marinho
Bruno Carvalho

Bruno Carvalho

Revista Viva Decora

#4 Sofás com design retrô ou futurista

Sofás com design retrô ou futurista curiosamente podem apresentar detalhes de design bem semelhantes. Eles são lindos, com linhas, cores e acabamentos diferentes. 

Ambos podem ser utilizados em propostas de decoração de salas contemporâneas, lado a lado às peças atuais, gerando um contraste verdadeiramente excepcional.

Dentre as opções, os sofás com pés palito, imitando sofás lançados entre os anos 30 a 60, são os mais procurados por aqueles que desejam uma decoração diferente para a casa. 

Geralmente o seu encosto apresenta um trabalho de botonê ou capitonê, de 'gominhos' que fazem a sala parecer mais aconchegante. Estes móveis podem ser antigos, resgatados e reformados ou desgastados - defeitos podem até valorizar a peça.


home-office-sofa
Très Arquitetura

sofas-modernos
Fernando Peçanha


sofa-pes-palito
Revista Viva Decora


Então, você pode pensar - inclusive por causa da economia de espaço - em adquirir um sofá comum para a sala de casa. Mas por que não fazer as coisas diferentes? 

Por exemplo, ter uma peça mais chamativa, mais confortável e que agrade o olhar. Um sofá que valorize a decoração do ambiente pensando no seu potencial, temática, descontração, requinte e área livre. Aceita esse desafio?

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest 

Jeito de Casa  Blog - Decor e Arquitetura

ana maria

domingo, 9 de maio de 2021

Opções de revestimentos para cobrir escadas

Escadas são elementos de destaque em arquiteturas residenciais. Seus degraus devem ser cobertos com material de alta qualidade. Veja opções.

escadas-luxuosas-arquitetura
Iara Kilaris

5 opções diferentes de revestimentos para as escadas de sua casa

Quando se trata de planejamento arquitetônico todo detalhe é importante. Ao imaginar o visual dos interiores de uma casa, o projetista cria uma visão do todo, que inclui modelos de aberturas, de estruturas de suporte - como colunas -, além de lareiras e escadas

Por falar em escada, sabemos que se trata de um estrutura que pode ser construída de diversos materiais e apresentar diferentes tipos de apoio, assim como revestimentos.

Especialmente neste texto, vamos fazer uma lista sobre as principais opções de acabamentos para degraus de escadas, apontando as algumas vantagens de cada um. Além das informações na redação, confira as imagens e tire delas belas inspirações sobre qual modelo de estrutura arquitetônica combinaria lindamente com a sua casa.


#1 Basalto, mármore e granito

O basalto é uma pedra forte e resistente. Geralmente, é lembrada para o revestimento de escadas externas de residências, sendo no modelo de placa levigada, com acabamento mais rústico. 

Mas para estruturas internas, as placas polidas são uma alternativa melhor, já que podem apresentar um visual tão brilhante quanto as lindas placas de mármore. A única desvantagem seria a sua variação de cor, entre cinza médio e escuro.

Existem outras pedras naturais que podem ser encontradas em tonalidades diferentes. O mármore e o granito são boas opções. Ambas as pedras podem ser utilizadas não apenas como revestimento de piso de escadas, mas de outros pisos, dando à casa um visual bem requintado. A ideia é cobrir todos os planos com o mesmo material para que haja uma continuidade da decoração, sem interrupções.


"(especialmente sobre o granito) A pedra torna-se uma ótima escolha por sua durabilidade, e por isso pode ser usada até mesmo nas escadas com maior fluxo, sem que a pedra adquira sinais de envelhecimento ao longo do tempo.", "(...) o mármore também tem suas variações em cor e na quantidade de veias (...)."

- citação de reportagem de Casa e Construção.

Aquiles Nicolas Kílaris

revestimentos-para-escadas
Mariane Battaglia


escada-maravilhosa-arquitetura
Iara Kílaris

#2 Porcelanato

Seguindo a mesma ideia citada no tópico anterior, podemos também utilizar as placas de porcelanato para criar uma arquitetura de interiores mais homogênea para a casa. Esse material é, sem dúvidas, o melhor substituto para as pedras. 

Ele pode apresentar diversos polimentos e, inclusive, simular a textura de outras matérias-primas, como a madeira natural. Mas as peças brancas são as melhores para decorações neutras e modernas.

"(...) muito utilizado na arquitetura contemporânea e é uma aposta certa para criar degraus elegantes." - Casa e Construção.

escada-mansao
Aquiles Nicolas Kílares


escada-porcelanato-imitando-marmore
Renata Matos

revestimentos-escada-materiais
Ana Lucia Guadalupe

Gabriela Herde


#3 Madeira e laminado vinílico

Por falar em madeira, também podemos cobrir as escadas com chapas de madeira natural - até mesmo combinando degraus com corrimãos. Mas este material, apesar de bastante versátil, vai precisar de cuidados especiais. 

Algo mais simples, porém resistente e durável, é o piso vinílico. Esse tipo de revestimento é bem mais fácil de limpar. Porém, só é recomendado para escadas com menor dimensão.

Jannini Sagarra Arquitetura

guarda-corpo-vidro-escada
Sandro Clemes

escada-guarda-corpo-vidro
Luciane Cândido - Arredare Arquitetura

#4 Metal


Se a ideia é sair do tradicional, quebrando o visual clássico da residência, pode-se considerar um revestimento de degraus e também um corrimão de escadas em metal. 

Nessa linha, o inox é a melhor opção - também podendo ser a estrutura de suporte deste elemento como um todo. Seu acabamento brilhante tende a deixar as decorações de residências com visual bem sofisticado e futurista, combinando com várias produções.

arquitetura-escadas-estilos
Lidia Maciel

escada-caracol-metal
Estudio Sespede Arquitecos

#5 Concreto

Por fim, podemos considerar também a opção dos pisos cimentícios, que são hoje uma excelente alternativa de revestimento para decoração de residências. Eles apresentam um visual bem arrojado e também podem simular outros materiais, como a madeira. 

Acontece que tais peças podem ser ainda muito pesadas. Portanto, antes de tudo, é preciso considerar esta adição de carga sobre a estrutura preexistente de escada da sua casa.

escada-de-concreto-linda
Espaço do Traço Arquitetura

Studio Del Valle

Realmente, existem ótimas opções de revestimentos para escadas. Vamos te ajudar a escolher um entre eles. 

  • Quer mais valor estético? Pedras naturais. 

  • Mais economia? Azulejo. 

  • Mais estilo e segurança? Pisos vinílicos antiderrapantes. 

  • Mais conforto térmico e menos ruído? Madeira. 

  • Durabilidade e bom acabamento? Metal.

  • Resistência aos atritos? Cimento. 


Então, o que vai ser para a sua casa? Opções não faltam!

escada-madeira-metal
Zark Studio Lab 

escada-contemporanea-arquitetura
Cláudia Breias

escada-luxuosa-classica
Piloni Arquitetura

escadas-originais
Maurício Queiroz

escada-modelos-arquitetura
Escala Arquitetura

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.


Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest 

Jeito de Casa  Blog - Decor e Arquitetura

ana maria

terça-feira, 9 de março de 2021

Modelos pendentes para decoração de sala

Pendentes são luminárias que podem aparecer em propostas de decoração de sala, parte integrante do sistema de iluminação ambiente. Saiba+.

ideias-pendentes-salas-jantar-estar
KZ Arquitetura e Interiores

Como escolher as luminárias pendentes perfeitas para sua sala

A iluminação é um ponto muito importante das propostas de interiores. Em decoração de sala, devemos ter o máximo de luz natural. Mas isto só irá resolver bem as coisas no período do dia. 

Será essencial, para a noite e os dias nublados, a utilização de um sistema de luz elétrica. Porém, como se sabe, em cada ambiente nós iremos realizar atividades variadas. E pensando nisso, foram criadas versões diferentes de aparelhos de luminárias.

Resumindo, conhecemos as peças de parede, como as arandelas; as peças de piso, como as luminárias de chão; e as de bancada, como os abajures. Por fim, nesta pequena lista, devemos acrescentar ainda as luminárias de teto; dentre as principais estão os lustres e os pendentes. 

Você conhece estes? Sabe a diferença entre eles? E quanto aos pendentes em si, qual seria a sua utilização em decoração de sala? Descubra a seguir.

decoracao-pendentes-tendencia
 Pinterest

Qual a diferença entre lustres e pendentes?

Você já deve ter percebido que as decorações de salas apresentam um sistema de iluminação variado. 

Dentro deste ambiente, podemos conferir pontos de luz difusa e focal. É que se entende que, neste cômodo da casa, serão realizadas várias atividades diferentes – como ver TV, ler livro, conversar, comer e mais - e por isto seria necessário pontos flexíveis, com opções diferentes de luz.

A zona de estar pode ter luminárias de piso, de mesa, faixas de luz contornando prateleiras, luzes embutidas em nichos e sancas. Mas, no meio do teto, geralmente é colocado um plafon ou um lustre, espalhando a luz em várias direções. 

O lustre é um modelo de luminária pendente, sim. Só que a sua característica principal é jogar a luz em direção ao teto, rebatendo-a, assim, de volta para o ambiente. Entendeu?

pendente-cristal-sala
Foto: Architizer

Agora, dentro de salas podemos ter áreas de refeições também, com mesa de jantar e balcão ilha, integrando a sala e cozinha americana, por exemplo. Nestes pontos, é indicada a instalação de pendentes. 

Estes aparelhos, diferentes dos lustres, possuem lâmpada ou lâmpadas, se a peça tiver várias hastes, voltadas para baixo. A ideia é criar uma iluminação suave, mas direta ou focal, destacando o tampo logo abaixo.

São outros exemplos da utilização de pendentes na decoração de residências: sobre mesinhas de cabeceira, em quarto; sobre mesinhas auxiliares, ao lado de sofás; sobre poltronas de leitura; e sobre bancadas de lavabos e banheiros, assumindo um papel mais ornamental.

design-pendentes-sala-jantar
pendentes-modernos-decoracao
Iná Arquitetura


jogo-de-pendentes-mesa-decor
Hiperbato Arquitetura

Por que iluminar a mesa de jantar com uma luminária pendente?

A zona de jantar é a área mais ativa da sala. É importante que a sua mesa e bancadas auxiliares sejam bem iluminadas para que as pessoas possam enxergar o que comem. 

Bem, mas precisamos estudar, além disso, a altura que esta peça ficará na decoração. Isto porque ela não pode acabar muito perto dos pratos ou mesmo interferir na visão que as pessoas sentadas no local tenham uma das outras.

Se, neste caso, o pendente ficar muito baixo, a luz dele parecerá muito forte e causará desconforto visual, comprometendo a permanência das pessoas à mesa. E o que se deseja é sempre o contrário, uma atmosfera mais agradável possível. 

Com relação a isto, diz-se que o ponto ideal da lâmpada do pendente em relação à mesa de jantar é de 70 cm - se ela for opaca – ou de 90 cm – se ela for transparente ou espelhada.

pendentes-multiplicados-mesa-jantar
Foto Anual Design


decor-pendentes-fibras-naturais
Casa de Valentina


decor-pendentes
 Pinterest

É óbvio que a luminária pendente utilizada na sala de jantar precisa focar a sua luz para baixo. As proporções desta peça também devem ser compatíveis com a mesa logo abaixo – nem grande ou pequena demais. E se o seu ponto de instalação não estiver no centro do móvel, indica-se a utilização de um modelo de luminária com braços articulados ou de um desviador de fio.

Valeria Barros

pendentes-juntos-mesa-jantar
Good Decoration

pendentes-decoracao
 Pinterest

Quais os modelos de pendentes mais utilizados em decorações de salas?

Antes de falar sobre os diferentes modelos de pendentes à venda no mercado, devemos destacar que é possível fazer pendentes com materiais reaproveitados. 

Em decoração estilo industrial, por exemplo, podemos ver lindos lustres pendentes com bojos feitos de baldes, panelas, escorredores de macarrão, raladores de queijo e mais. Vale muito a pena ir atrás de ideias e criar uma peça exclusiva para a decoração da casa.

Morar Mais Por Menos Goiânia 2017

Ou, se preferir, você pode adquirir um lindo modelo pronto. Nas lojas, podemos achar pendentes só com lâmpadas nas extremidades dos fios. 

Também com cúpulas retangulares, redondas ou sinuosas; de tecido, metal ou madeira; com pêndulos de cristal; em formato de prato e diamante; coloridas e aramadas; foscas, transparentes ou com acabamento brilhante metalizado - tipo inox e rose gold.

A grande tendência do momento são as luminárias pendentes acompanhadas de lâmpadas especiais, tipo retrô industrial - é o caso das lâmpadas estilo design Thomas Edison ou Tom Dixon. E ainda, para terminar, os pendentes com trabalhos com fios de luz em vários comprimentos e em tramas de fibras naturais, como junco. 

decor-moderna-pendentes
Jacson Hartmann


pendentes-modernos-decor
SP Estúdio


decor-pendentes-sala-de-jantar
tendencia-pendentes-para-saa
Bruno Moraes Arquitetura e Interiores


São muitos modelos, não é mesmo? Mas com criatividade e bom gosto, você vai escolher o ideal para sua sala!

Essas dicas de decoração de sala foram criadas pela equipe Viva Decora.


Esperamos ter inspirado você!

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest 

Jeito de Casa  Blog - Decor e Arquitetura

ana maria