Mostrando postagens com marcador ambientes. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ambientes. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 29 de outubro de 2021

Dicas para utilizar conceito aberto em sua decoração

O atual momento do planeta trouxe uma série de reflexões. Desde o início de 2020, passamos a definir melhor nossas prioridades e nossos objetivos, resultando em uma nova forma de lidar com a vida. Isso acabou refletindo bastante no entorno – mais especificamente em nossos lares.


decoracao-ambintes-integrados


As pessoas passaram a ficar mais horas dentro de casa, puderam ter mais tempo para suas famílias e começaram a trabalhar em seus respectivos home offices. A necessidade de otimização do espaço acabou transformando em tendência ideias para interiores como o conceito aberto, tema do nosso conteúdo de hoje.


O que é o conceito aberto?


Seja pelo aumento populacional ou pelo melhor aproveitamento dos terrenos, os imóveis foram diminuindo ao longo dos anos. Até mesmo quem busca apartamento a venda em higienópolis ou outros bairros nobres de São Paulo acaba percebendo o fenômeno.


O conceito aberto torna-se, portanto, uma ótima opção para quem quer aproveitar melhor seus espaços pois elimina paredes e divisórias entre os cômodos para garantir uma sensação de amplitude, maior incidência de luz natural e melhor circulação pelos ambientes.


decor-cozinha-integrada


Como as decorações integradas surgiram?


Apesar de em alta nos últimos anos, o conceito já existe há algumas décadas. Cidades que abrigavam muitas fábricas, como Nova Iorque, começaram a transformar esses espaços desativados em complexos residenciais.


Os janelões, o pé direito alto e a ausência de paredes foram características que não só inspiraram o conceito aberto para casas e apartamentos, mas também foram o pontapé inicial para um dos estilos mais populares entre os designers de interiores – o industrial.



Benefícios do conceito aberto para interiores


A abordagem traz uma série de vantagens para os moradores. A ausência de paredes traz uma conexão maior entre o que há dentro e o que há fora do imóvel, proporcionando uma experiência orgânica de contato com o exterior rara entre as unidades localizadas em ambientes urbanos.


Além disso, o conceito aberto favorece a socialização entre moradores e impacta de maneira positiva as reuniões com amigos, uma vez que a sala de estar acaba dialogando melhor com outros cômodos como a cozinha e a sala de jantar. Por fim, a decoração integrada é capaz de ampliar espaços que antes eram menores – como dormitórios e áreas de serviço.


apartamento-ambientes-integrados


Dicas para realizar uma decoração integrada no seu espaço


Em tese, a implementação do conceito aberto em ambientação é simples: basta escolher as paredes que deixarão de existir para integrar os cômodos. Para otimizar essa transição, é preciso ter em mente um estilo que unifique esses espaços. Ou seja, a escolha de um estilo contemporâneo, por exemplo, deve abrigar e integrar os cômodos sem divisórias.


Da mesma forma que essa unidade é importante para o conceito, as cores e o piso também podem ser escolhidos de forma a causar essa fluidez entre os ambientes. Por último, ainda que os ambientes estejam devidamente integrados, é necessário definir onde um termina para que o outro comece.


Bancadas de cozinha são a escolha ideal para dividir esse ambiente da sala de estar, assim como um aparador pode indicar o fim de uma sala de jantar e o início de um home office.


cozinha-integrada-apartameto


Em seu projeto, leve em consideração a composição do apartamento para não prejudicar a estrutura do prédio. Muitas das paredes de um imóvel são, na verdade, a viga de sustentação do edifício e não podem ser removidas, por exemplo.



varanda-integrada-ape

Boa sorte em sua transformação e até a próxima!



Obrigada por sua companhia!
ana maria

sexta-feira, 20 de agosto de 2021

25 ideias de nichos de madeira para casa toda

Aprenda a aproveitar toda versatilidade e beleza dos nichos de madeira

escritorio-chic
Kali Arquitetura


Por que manter paredes vazias dentro de casa? Você poderia aproveitar melhor estas superfícies. Por exemplo, instalando nichos de madeira que dariam suporte a ornamentos ou outros objetos decorativos e funcionais. 

Isso agregaria muito valor à decoração dos cômodos; e olha que essa ideia vale para casa toda. Confira os exemplos a seguir e inspire-se sobre como utilizar nichos de madeira na sua casa também.


decoracao-varanda
Doob Arquitetura

nicho-cozinha
Gabriela Toledo Arquitetura

nicho-quarto-decor
Buji Decoração Reuso

home-office-decor
Priscila Fernandes Arquitetura

nichos-geometrico-sala
Studio Ecoara

nichos-modernos-decoracao
Revista Viva Decora


decoracao-nichos-estante
Marília Veiga Interiores

#1 Nichos para cozinha

As decorações de cozinha podem se beneficiar bastante da utilização de nichos como complemento de layout. Aliás, existem modelos de nichos fabricados especialmente para esse tipo de ambiente. 

Por exemplo, o nicho que dá suporte ao micro-ondas. E já que podemos contar com a tecnologia dos móveis sob medida, é possível ver nicho em cozinha utilizado para embutir eletrodomésticos como máquina de lavar louças. 

Outros módulos de nichos utilizados em projetos de design de cozinha atual - e suas dimensões: garrafeiro, para porta-toalha, porta-lixeira, com altura para livros e portes de temperos, para embutir forno elétrico, embutir cooktop, sem fundo e base para embutir geladeira, entre outros.


nichos-na-decoracao
Revista Viva Decora

marcenaria-nichos-serralheria
Luiz Stinger

cozinha-elegante-atual-decoracao
Liz Arquitetura

cozinha-marcenaria-arquitetura
2M Arquitetura e Interiores


Os exemplos de imagens deste texto se detêm mais a mostrar aquelas peças mais simples de nicho de madeira. Elas aparecem como um complemento do conjunto mobiliário. E geralmente serve mesmo para acabamento de decoração, expondo alguns utensílios, mas, principalmente, artigos ornamentais - como garrafas de vidro.

O exemplo de imagem a seguir mostra uma situação bem diferenciada de utilização de nicho de madeira em decoração. Trata-se de uma peça aberta dos dois lados e suspensa por uma estrutura metálica. 

A ideia, neste caso, é criar uma espécie de estante suspensa para embelezar e ao mesmo tempo dividir a área entre cozinha e sala integradas - provavelmente ela está "flutuando'' sobre um balcão de refeições.


serralheria-nichos
Studio Ecoara

#2 Nichos para banheiros

Aqui na cozinha nós temos armário de sobra para guardar todos os objetos necessários, o mesmo não acontece dentro dos banheiros. A área destes ambientes é bem mais limitada e todas as formas de aproveitamento de espaço são muito bem-vindas. 

Nesse sentido, os nichos são uma excelente solução para preencher áreas de parede próximas da pia. Também talvez sobre a bacia sanitária - desde que a sua instalação não ofereça riscos para a canalização de água.

A imagem a seguir mostra dois tipos diferentes de nichos para banheiros. Qual a principal diferença entre eles? Exatamente, à materialidade. Dentro do box do chuveiro, por conta da umidade, não é possível instalar nicho de madeira, sendo alternativas melhores os nichos de plástico, os nichos embutidos na alvenaria ou as estruturas aramadas de inox. Porém, é possível instalar nicho de madeira do lado de fora do box.

São opções de madeira para nichos em áreas molhadas: MDF especial, cumaru, ipê, jatobá, itaúba, sucupira e peroba-rosa (continua sendo importante protegê-las com impermeabilizantes ou vernizes).


banheiro-com-nicho
Tetriz Arquitetura e Interiores

banheiro-com-nichos
Karina Korn

banheiro-nichos
Deborah Basso

#3 Nichos para quartos

Os nichos podem valorizar demais a decoração dos quartos. Essas peças podem ser instaladas sobre cômoda cabeceira, criado-mudo e mais. Quais peças podem contribuir ainda mais quando instaladas perto de escrivaninha, sendo utilizadas como suporte para os livros. Mas parece que são nas decorações de quartos infantis que elas ganham ainda mais notoriedade estética.

Perto de móveis com dimensões medianas, os agrupamentos de nichos passam menos despercebidos. Por vezes, podem ser até um dos detalhes mais importantes da decoração ambiente, chamando atenção por sua cor e volumetria. 

Aliás, combina bem para ambientes infantis os nichos em formato circular, hexagonal ou em outro formato ainda mais diferente. A ideia é utilizar essas peças para dar mais alegria e humor às decorações, expondo brinquedos, livrinhos e mais.


quarto-bebe-decoracao-nicho
Figueiredo Fischer

quarto-infantil-nichos-decoracao
Antônio Armando de Araújo

decor-nicho-quarto
Aline Cobra Arquitetura e Design

arquitetura-quarto-casal-marcenaria
Aline Cobra Arquitetura e Design


#4 Nichos para salas

Dentro da sala de estar, podemos ter nichos instalados em várias áreas diferentes. Neste caso, as peças são utilizadas para preencher zonas de parede sem utilidades. Elas podem fazer conjunto com prateleiras e ser o apoio de quadros, espelhos e molduras. 

Os decoradores utilizam bastante os nichos para enriquecer os projetos de painel para TV, criando desenhos assimétricos com apoios para ornamentos e também equipamentos de mídia complementares.


Braccini + Lima Arquitetura

nichos-sala-decoracao
Serra Vaz

nichos-decor
Marlúcia Landim Decor

estante-com-nicho
Tria Arquitetura

#5 Nichos para escritórios

Dentro dos escritórios, os nichos são mais do que bem-vindos. Às vezes, eles são até necessários, a depender da quantidade de material - entre livros e pastas - que se precisa deixar à vista, ao alcance das mãos. 

Nesse ambiente, além de armários gaveteiros, podemos ter estantes prateleiras e, é óbvio, muitos nichos. Eles podem ter alturas diferentes, mas é melhor que a maioria deles permita que, na parte interna, possam ser colocados livros em pé, na vertical. 

Atenção também para a resistência das peças para que suportem bem o peso. E não se esqueça de avaliar também a qualidade dos seus suportes de fixação - que podem ser embutidos.

São medidas recomendadas para nichos de escritórios: altura entre 33 e 39 cm; largura entre 33 e 110 cm; e profundidade entre 20 e 35 cm.

escritório -chic-estiloso
Kali Arquitetura

nicho-decor-home-office
Bibiana Menegaz Arquitetura de Atmosfera


Em qual parede você decidiu colocar esses nichos? Já imaginou como vai ficar? Lindo!

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.


Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest 

Jeito de Casa  Blog - Decor e Arquitetura

ana maria

domingo, 9 de maio de 2021

Opções de revestimentos para cobrir escadas

Escadas são elementos de destaque em arquiteturas residenciais. Seus degraus devem ser cobertos com material de alta qualidade. Veja opções.

escadas-luxuosas-arquitetura
Iara Kilaris

5 opções diferentes de revestimentos para as escadas de sua casa

Quando se trata de planejamento arquitetônico todo detalhe é importante. Ao imaginar o visual dos interiores de uma casa, o projetista cria uma visão do todo, que inclui modelos de aberturas, de estruturas de suporte - como colunas -, além de lareiras e escadas

Por falar em escada, sabemos que se trata de um estrutura que pode ser construída de diversos materiais e apresentar diferentes tipos de apoio, assim como revestimentos.

Especialmente neste texto, vamos fazer uma lista sobre as principais opções de acabamentos para degraus de escadas, apontando as algumas vantagens de cada um. Além das informações na redação, confira as imagens e tire delas belas inspirações sobre qual modelo de estrutura arquitetônica combinaria lindamente com a sua casa.


#1 Basalto, mármore e granito

O basalto é uma pedra forte e resistente. Geralmente, é lembrada para o revestimento de escadas externas de residências, sendo no modelo de placa levigada, com acabamento mais rústico. 

Mas para estruturas internas, as placas polidas são uma alternativa melhor, já que podem apresentar um visual tão brilhante quanto as lindas placas de mármore. A única desvantagem seria a sua variação de cor, entre cinza médio e escuro.

Existem outras pedras naturais que podem ser encontradas em tonalidades diferentes. O mármore e o granito são boas opções. Ambas as pedras podem ser utilizadas não apenas como revestimento de piso de escadas, mas de outros pisos, dando à casa um visual bem requintado. A ideia é cobrir todos os planos com o mesmo material para que haja uma continuidade da decoração, sem interrupções.


"(especialmente sobre o granito) A pedra torna-se uma ótima escolha por sua durabilidade, e por isso pode ser usada até mesmo nas escadas com maior fluxo, sem que a pedra adquira sinais de envelhecimento ao longo do tempo.", "(...) o mármore também tem suas variações em cor e na quantidade de veias (...)."

- citação de reportagem de Casa e Construção.

Aquiles Nicolas Kílaris

revestimentos-para-escadas
Mariane Battaglia


escada-maravilhosa-arquitetura
Iara Kílaris

#2 Porcelanato

Seguindo a mesma ideia citada no tópico anterior, podemos também utilizar as placas de porcelanato para criar uma arquitetura de interiores mais homogênea para a casa. Esse material é, sem dúvidas, o melhor substituto para as pedras. 

Ele pode apresentar diversos polimentos e, inclusive, simular a textura de outras matérias-primas, como a madeira natural. Mas as peças brancas são as melhores para decorações neutras e modernas.

"(...) muito utilizado na arquitetura contemporânea e é uma aposta certa para criar degraus elegantes." - Casa e Construção.

escada-mansao
Aquiles Nicolas Kílares


escada-porcelanato-imitando-marmore
Renata Matos

revestimentos-escada-materiais
Ana Lucia Guadalupe

Gabriela Herde


#3 Madeira e laminado vinílico

Por falar em madeira, também podemos cobrir as escadas com chapas de madeira natural - até mesmo combinando degraus com corrimãos. Mas este material, apesar de bastante versátil, vai precisar de cuidados especiais. 

Algo mais simples, porém resistente e durável, é o piso vinílico. Esse tipo de revestimento é bem mais fácil de limpar. Porém, só é recomendado para escadas com menor dimensão.

Jannini Sagarra Arquitetura

guarda-corpo-vidro-escada
Sandro Clemes

escada-guarda-corpo-vidro
Luciane Cândido - Arredare Arquitetura

#4 Metal


Se a ideia é sair do tradicional, quebrando o visual clássico da residência, pode-se considerar um revestimento de degraus e também um corrimão de escadas em metal. 

Nessa linha, o inox é a melhor opção - também podendo ser a estrutura de suporte deste elemento como um todo. Seu acabamento brilhante tende a deixar as decorações de residências com visual bem sofisticado e futurista, combinando com várias produções.

arquitetura-escadas-estilos
Lidia Maciel

escada-caracol-metal
Estudio Sespede Arquitecos

#5 Concreto

Por fim, podemos considerar também a opção dos pisos cimentícios, que são hoje uma excelente alternativa de revestimento para decoração de residências. Eles apresentam um visual bem arrojado e também podem simular outros materiais, como a madeira. 

Acontece que tais peças podem ser ainda muito pesadas. Portanto, antes de tudo, é preciso considerar esta adição de carga sobre a estrutura preexistente de escada da sua casa.

escada-de-concreto-linda
Espaço do Traço Arquitetura

Studio Del Valle

Realmente, existem ótimas opções de revestimentos para escadas. Vamos te ajudar a escolher um entre eles. 

  • Quer mais valor estético? Pedras naturais. 

  • Mais economia? Azulejo. 

  • Mais estilo e segurança? Pisos vinílicos antiderrapantes. 

  • Mais conforto térmico e menos ruído? Madeira. 

  • Durabilidade e bom acabamento? Metal.

  • Resistência aos atritos? Cimento. 


Então, o que vai ser para a sua casa? Opções não faltam!

escada-madeira-metal
Zark Studio Lab 

escada-contemporanea-arquitetura
Cláudia Breias

escada-luxuosa-classica
Piloni Arquitetura

escadas-originais
Maurício Queiroz

escada-modelos-arquitetura
Escala Arquitetura

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.


Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest 

Jeito de Casa  Blog - Decor e Arquitetura

ana maria