Mostrando postagens com marcador ambientes. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ambientes. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Casa: 5 dicas para evitar acidentes com idosos!

A maioria dos acidentes com idosos acontece dentro de casa, isso já  de conhecimento popular. As vezes por falta de informação, de condições financeiras ou mesmo conhecimento de certas situações vamos deixando as coisas como estão.

Nem precisa ser idoso para se acidentar em casa, basta pisar no pátio com o piso molhado que não é antiderrapante que um tombo pode acontecer... e lá vai um tornozelo torcido, uma clavícula deslocada ou quebrada. Se a pessoa for idosa muito provavelmente o acidente pode ser muito mais grave.
Imagine uma mesa de centro destas todas de vidro, o perigo que pode ser!! Uma vez eu estava numa loja olhando umas cadeiras aqui para casa e bati com tudo numa mesa de centro transparente . Morri de vergonha na hora, mas estava com atenção em outro móvel.

E como diz o ditado: Prevenir é melhor do que remediar!

blogs-decor


Ter autonomia na terceira idade é ter qualidade de vida. Maior independência é maior qualidade de vida. Nesta correria do mundo de hoje nem sempre a família pode estar o tempo todo com os idosos.
Existem profissionais que se especializam neste nicho de mercado e o trabalho deles é fundamental para que a casa seja um lugar mais seguro aos seus moradores, prevenindo assim acidentes.

Flavia Ranieiri, arquiteta especialista com vários projetos adaptados para este público, nos deixa algumas dicas fundamentais para quem está pensando em reformar, construir  ou adaptar sua casa para a chegada da terceira idade, facilitando assim o dia a dia.

"Mapeei fatores que parecem bobos ou irrelevantes, mas trazem chances de um machucado na pele ou queda evitáveis. Um tombo pode causar problemas de saúde irreversíveis e até mesmo levar à óbito", conta a especialista. Com vários projetos adaptados, Flávia explica como os avanços tecnológicos e arquitetônicos vêm se tornando grandes aliados na rotina desse público.

Saiba dos 5 Riscos de acidentes mais comuns dentro de casa e suas soluções!


Risco 1 - Falta de luz adequada

Conforme a idade avança, a visão também envelhece e sofre degeneração. Usar óculos é bastante comum, mas mesmo assim, não impossibilita a limitação visual caso não esteja usando. Sem enxergar clara e nitidamente, ele tem mais chances de tropeçar, escorregar e bater em móveis.

blogs-arquitetura

A solução: 

Não tenha medo de exagerar no número de pontos de luzes. Quanto mais, melhor. Abuse de pendentes, arandelas, abajures, luminárias de mesa e spot de piso, que aumentam a iluminação de paredes, escadas e corredores. Para esses pontos de apoios, prefira opções com dimer, que permite o ajuste gradual da intensidade da luz. Para garantir o aconchego do ambiente, a temperatura da cor deve ser entre 2400k e 3000k (branco quente).

Para quem puder investir, um sistema de automação pode ser instalado para quando a pessoa se levantar do sofá ou da cama no escuro, uma luz de vigília no piso é acionada, ajudando a se localizar e se deslocar, por exemplo, até o banheiro.


Risco 2 - Quinas

Com o tempo, a derme, camada intermediária da pele, perde elasticidade, hidratação e oleosidade. Isso resulta em uma pele mais fina, frágil e mais vulnerável a machucados, infecções e doenças de pele em geral. Uma simples esbarrada nas quinas dos móveis pode machucar a pele mais delicada. E um simples machucadinho pode se tornar um grande problema.

arquitetura-blog

A solução:

Aposte nas quinas arredondadas. Por não terem as temíveis pontas, não ocasionam lesões mais graves. Se não puder trocar o móvel, em lojas de produtos para casa é possível encontrar adaptadores de silicone, que são facilmente acoplados nas quinas tradicionais e fazem o serviço. 


Risco 3 - Pisos e tapetes


Escorregar no chão liso e tropeçar em tapetes são acidentes comuns em qualquer casa. Em casas onde moram pessoas mais velhas, com a mobilidade já comprometida, esses acontecimentos são mais recorrentes. Um piso escorregadio e tapetes mal posicionados podem causar mais do que uma simples queda.

decoracao-arquitetura-casa-idosos


A solução: 


Pisos emborrachados e vinílicos antiderrapantes, por exemplo, dificultam as quedas. Eles são encontrados em várias padronagens e cores. Os tapetes têm uma função importante de acústica e limitação de espaço e não precisam ser eliminados, apenas usados de maneira estratégica. Alinhe-os com o piso, sem desnível, e só os posicione em lugares que garantam a segurança, por exemplo, cobrindo todo o piso da sala, bem preso sob os móveis.


Risco 4 - Móveis não adaptados


Camas altas demais ou baixas exigem um esforço que nem todo mundo tem quando atinge certa idade. Cadeiras com rodinhas podem virar e derrubar quem estiver sentado. Bancadas baixas impedem o encaixe de uma cadeira de rodas. Quando os móveis de uma casa não são adaptados para quem mora nela, viver ali vira um tormento. Além de riscos à saúde, compromete a mobilidade do morador.

arquitetura


A solução

Os móveis de uma pessoa com mobilidade reduzida precisam ser pensados em termos de altura, estabilidade e profundidade. Aposte em bancadas e mesas mais profundas onde caiba a cadeira de rodas, barras de apoio, poltronas ou cadeiras fixas. A cama deve ficar em uma altura onde a pessoa sentada consiga encostar o pé no chão e a perna faça um ângulo de 90º ao sentar.


Risco 5 - Cores homogêneas e falta de contraste

A percepção espacial também sofre mudanças com a idade. O reflexo da luz no piso do banheiro pode alterar a percepção de profundidade e causar confusão - e até uma queda. Objetos com a mesma cor em um mesmo ambiente tendem a não serem vistos por completo, podendo provocar esbarrões ou tropeços.

casa-idosos-cuidados-acidentes


A solução

Opte por elementos com contraste, cores vibrantes e formas diferentes. Assim, os objetos da casa ficam mais visíveis e fáceis de serem desviados.


Gostaram das dicas?
Eu gostei muito da questão das cores, um fator que eu desconhecia. Sobre a iluminação eu também achei maravilhosa.

Se você tiver mais alguma dica pra dividir conosco, deixe nos comentários por gentileza ;)


Jeito de Casa ❤ Posts feitos com muito carinho pra você!

 Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Bjus
ana

sexta-feira, 27 de setembro de 2019

Naval é a Cor do ano 2020 Sherwin-Williams

Tom azul-marinho sofisticado e calmante guiará a próxima década do design


cor-do-ano-2020

Sherwin-Williams, maior empresa de tintas do mundo, que neste ano completou 75 anos no Brasil, elegeu a Cor do ano 2020.  Naval SW 6244 é um azul rico em inspirações marinhas que encontra o equilíbrio entre a calma e a ousadia.

“O uso da cor no design de interiores está mudando. Não se trata mais apenas da estética de um espaço, mas de como você se sente nele,” disse Patrícia Fecci, gerente de marketing para serviços de Cor & Design das tintas Sherwin-Williams. “As pessoas querem se sentir seguras e inspiradas na buscar do seu bem-estar mental, físico e emocional. Naval é uma reminiscência do céu noturno, onde há séculos as pessoas se guiavam para obter orientação, admiravam e contemplavam como uma poesia e como um lembrete para viver de maneira mais consciente,” complementa Fecci.

cor-do-ano-2020-sherwin-willians

Com inspiração no apogeu do estilo Art Deco no anos 20, Naval combina bem com acabamentos luxuosos, como mármore e metais diversos, e ajuda a destacar itens de design requintado. As pessoas estão adotando uma decoração de personalidade, e Naval é o novo neutro acessível que permite a conexão de todos os nossos desejos.


decoração-cozinha-azul

Olhando para o futuro, porém com uma presença já estabelecida na natureza há muito tempo, a cor Naval tem uma intensidade que lembra o azul do céu noturno e do mar profundo. Essa influência náutica a torna adequada para uso com tecidos naturais e decoração de inspiração costeira, que está cada vez mais popular.


azul-naval-decoração


Criando um oásis em casa

Um neutro versátil, Naval não se rotula apenas com um estilo de design. Do Boho ao tradicional, do litoral ao contemporâneo, o Naval pode ficar em segundo plano ou desempenhar um papel de protagonista. Um quarto pintado com Naval cria um espaço confortante que incorpora repouso e tranquilidade na casa.


quarto-azul-naval-decoração

“Utilize o Naval com materiais naturais, como couro, vegetação e tapetes de fibras orgânicas, para criar um oásis de tranquilidade em sua casa. Os móveis e a decoração podem ser misturados em camadas para brincar com volumes e sombras, ou mesmo produzir uma aparência minimalista. 
O tom de ouro polido como Palha de Babaçu SW 9026 e verdes biofílicos como Azeitona Madura SW 6209 complementam a riqueza do Naval, enquanto neutros claros como Bola de Neve SW 7004 e Toque de Areia SW 9085 compõem uma paleta de cores mais tradicional e permitem que Naval se destaque,” recomenda Fecci.

cor-do-ano-2020

Propriedade atemporal em ambientes comerciais

Para arquitetos, designers e outros profissionais, a criação de um espaço no qual as pessoas se sintam bem em viver e trabalhar é uma prioridade, e Naval se enquadra perfeitamente para essas situações. Por si só, Naval cria uma sensação de profundidade, que traz atenção e calma para espaços de convivência como escritórios, quartos de hotel e restaurantes.

"Naval pode facilmente entrar no clima que você deseja criar, seja trazendo energia para um restaurante ou serenidade em um quarto de hotel. É uma cor extremamente versátil que estará nos holofotes e atrairá nossa atenção nos próximos anos, " explica Patrícia Fecci, especialista em cor e tintas, Vice-presidente da Procor e membro Color Marketing Group.

"Nos últimos 10 anos, vimos a cor caminhar de tons frios em direção a tons de neutros mais calorosos, passando pelos terrosos e agora estamos de volta ao popular azul.  Na próxima década, as combinações chave incluirão cada vez mais as cores presentes na natureza, inspirações em pedras e recursos naturais, materiais sustentáveis, além do preto, branco e azul marinho para um visual atemporal” finaliza Fecci. 
cor-do-ano-sherwin-willians
*** Este texto é uma reprodução parcial do material divulgado pelo Marketing da Sherwin-Williams.
Poucas vezes nestes 10 anos de blog eu fiz posts da cor do ano. Posto quando realmente amo, quando a cor me inspira e acredito que irá inspirar você também.

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Jeito de Casa- Blog de decoração e arquitetura
Bjus
ana

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Projeto de apartamento masculino com decoração urbano rústica...

Hoje eu mostro aqui no blog um apartamento masculino de 51 metros quadrados,  projetado pelo arquiteto Pietro Terlizzi para um cliente masculino, que morou em grandes cidades pelo mundo.

O resultado é um projeto com estilo urbano e rústico ao mesmo tempo. O uso da madeira, do couro, dão um ar  mais aconchegante ao apê.  A parede de tijolos, o cimento queimado no porcelanato do chão e no acabamento de algumas paredes  e a serralheria nos móveis trazem o ar industrial e atual do projeto!

apartamento-masculino-arquitetura-projeto

Na estrutura do apartamento a planta sofreu duas intervenções.  A varanda, que foi integrada a sala removendo sua porta original e fechando a sacada com cortina de vidro, além do nivelamento do piso da sacada. Também foi retirada a parede do segundo quarto do apê, que foi transformado em escritório, onde ela foi substituída por portas de correr em marcenaria,  que são fechada conforme a necessidade.


arquitetura-como-integrar-varanda-a-sala

A integração da varanda trouxe amplitude e integração ao ambiente social do apartamento...



Na varanda um espaço para as cafeteiras e um cantinho especial para o café...



Ao lado da porta de entrada o espaço dos vinhos, onde as garrafas expostas fazem parte da decoração...


Revestimento de tijolinhos é da marca Lepri.
Amadeirado num padrão mais rústico dos veios da madeira. Vários móveis com estrutura metálica, uma tendência dos projetos de arquitetura mais atuais.



Estrutura de serralheria na base da mesa, em banquetas e na prateleira sobre a bancada...
Móveis avulsos da Westwing, Oppa e Open Box.


apartment- male- industrial -decoration

Banco de marcenaria com almofadas laranja...
Banquetas de metal  ( chamadas Tolix ou Iron) são geladinhas e duras, mas fortes pra caramba, elas são encontradas em diferentes alturas!  Tenho este modelo na minha cozinha .


apartment-male- industrial-decoration

O sofá em couro marrom é um clássico,mas esta cor está em alta novamente. O tapete geométrico azul e branco faz um contraste interessante...

home -ofice-decoration

Forro em gesso pra o projeto luminotécnico de cada ambiente...


apto-masculino-pequeno-arquitetura

Algumas paredes e a ancada receberem textura cimento queimado...
Madeira da bancada é de demolição, peróba rosa.

area-de-trabalho-junto-a-sala-de-estar

Estrutura dos painéis corrediços atrás do sofá. A mesa de trabalho com tamanho generoso fica integrada a sala, melhorando a sensação de liberdade e amplitude no espaço.

apê-masculino-cozinha-cinza

Cozinha em marcenaria tom cinza chumbo...


Piso de Porcelanato Portobello. Azulejo de metrô branco sobre a pia.


Contrastando com a cama e armário de marcenaria sob medida a prateleira de canos metálicos e madeira de demolição é estilosa. Armários com portas semi espelhadas dão a sensação de ampliação do espaço.

projeto-de-quarto-masculino

Em frente a cama a estante com nichos para objetos pessoais do morador...


arquitetura-banheiro-com-pastilhas-hexagonais

Contrastando com o revestimento de pastilhas, a bancada do banheiro amadeirada deixa o ambiente  mais acolhedor...

banheiro-pastilhas-hexagonais

Pastilhas hexagonais da Marca Atlas revestem todo o banheiro.


Projeto: Pietro Terlizzzi Arquitetura & Design

Fotos: Guilherme Pucci



Leve daqui sempre: inspirações e boas energias 

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Jeito de Casa- Blog de decoração e arquitetura
Bjus
ana

terça-feira, 21 de agosto de 2018

Bar em casa - 15 ideias para ter um!

Até os cantinhos mais improváveis dos ambientes podem acomodar bebidas, taças e copos. Capriche na organização das peças, encha o local de flores e mostre o seu capricho na hora de servir os amigos e a família. Bandejas, marcenaria sob medida e outras ideias de decoração simples e criativas vão inspirar você a ter um bar em casa.

Texto por Dan Brunini!



1- Com a ideia de otimizar cada canto do loft, as arquitetas da Korman Arquitetos alocaram o bar no vão da escada. Desenhado sob medida, o aparador revestido de laminado preto serve de apoio para a bandeja de bebidas  e sob ele há um móvel solto de nogueira que organiza copos e pratos.
Fotos: JP Imagem

arquitetura-bar-embaixo-da-escada

home-bar-decoration


2- Nesse apartamento há um lounge com poltronas e mesas baixas para que os moradores recebam visitas e amigos. O bufê dá todo o suporte na hora de recepcionar quem chega e serve de apoio para bandeja espelhada. Projeto da RAP Arquitetura
Foto: Christian Parente

bar-architecture-ideas


3- Os equipamentos de DJ e o bar, duas paixões do morador, ocupam a sala do apartamento reformado por Tânia Eustáquio.  O móvel de laca brilhante e vidro preto se destacam no ambiente com paredes e forro brancos.
Foto: Rômulo Fialdini

arquitetura-bar-em-casa


4- Nesta casa, o vão da escada foi muito bem aproveitado ao acomodar o bar. A Arquiteta Cristiane Schiavoni  investiu num móvel pronto com um tampo que se abre para ajudar na hora de servir as bebidas.
Foto: Gustavo Scatena

arquitetura-bar-na-sala



5- Para esta sala de jantar, os arquitetos Alice Martins e Flávio Butti sugeriram um móvel de madeira laqueada com um tampo de vidro pintado na mesma cor do acabamento laqueado.
Foto: Luis Gomes





6- Neste apartamento pequeno, a arquiteta Ana Yoshida aproveitou um canto da área social e alocou  o móvel feito sob medida que dá suporte à sala de jantar.Com gavetas de diferentes formatos, a peça traz um toque de modernidade para o décor.
Foto: Evelyn Müller

decoração-movel-ar



7- Neste apartamento de apenas 60 metros quadrados, o bar fica escondido. A solução das arquitetas da Triarq Studio foi criar um bar atrás do painel de TV. Feito com madeira ripada, ele conta com uma porta, que desliza quando os moradores recepcionam os amigos.
Foto: Carla D'aqui

decoração-bar-escondido

movel-planejado-bar


8- Apaixonada por receber visitas, a dona deste apartamento, pediu às arquitetas Carina e Ieda Korman um cantinho para as bebidas. À direita do sofá, o carrinho art decô de metal cromado foi comprado em um antiquário.
Foto: Gui Morelli

carrinho-bar-sala-estar


9- Dobrável e extensível, o carrinho moderno ( Kartell ) é usado como bar neste apartamento. Ele fica ao lado do sofá e pode ser acessado facilmente pelos moradores. Projeto da Rap Arquitetura.
Foto: Divulgação.

arquitetura-bar-na-cobertura

carro-bar-arquitetura



10- Neste apartamento, o canto do living foi bem aproveitado pela arquiteta Ana Yoshida, que concentrou no mesmo local todo tipo de bebida, inclusive a cafeteira. Nichos abertos e fechados organizam copos de diferentes tamanhos.
Foto: Evelyn Müller



11- Trazido do antigo apartamento, o generoso móvel acomodou tudo o que é necessário em um bar como adega, garrafas, copos e outros acessórios Projeto da arquiteta Cris Paola.
Foto: Hamilton Penna

moveis-para-bar



12- Integrada ao living, a varanda se tornou um ambiente muito mais usufruído pela família. Nessa área, as arquitetas da doob Arquitetura criaram um simpático móvel amarelo, posicionaram a adega e criaram prateleiras que deixam à vista as bebidas prediletas dos moradores.
Foto: Henrique Gargantini




13- Este apartamento tem apenas 40 metros quadrados, mas mesmo assim os arquitetos do Estúdio FCK conseguiram incluir um bar. Copos e garrafas ficam organizados em bandejas e no nicho ao lado do sofá.
Foto: Luis Gomes.




14- A mesma bancada de madeira entre a sala de jantar e a cozinha serve de apoio para  bandeja com bebidas, que cumpre a função de bar. Ideia do arquiteto Pietro Perlizzi.
Foto: Guilherme Pucci.



15- Antes subaproveitado, o cantinho próximo a sala de jantar deste apartamento ganhou um móvel sob medida para armazenar as bebidas e esconder as louças. Ele também permitiu encaixar a adega e
conta com uma bancada móvel, que serve de apoio de taças e garrafas. Projeto Karina Korn.
Foto: Eduardo Pozella



Espero ter inspirado você!

Leve daqui sempre: inspirações e boas energias 

Siga nossas redes: Instagram - Facebook - Pinterest  

Jeito de Casa- Blog de decoração e arquitetura
Bjus
ana